Home / Geral / VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE NO CENTRO DE SAÚDE

VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE NO CENTRO DE SAÚDE

DSC_0368
Vacinas contra a gripe, no Centro de Saúde de Junqueirópolis

A Campanha de Vacinação Contra a Gripe (Influenza), em Junqueirópolis, é realizada no Centro Municipal de Saúde,  de segunda a sexta-feira, das 7h às 10h30 e das 13h às 16h. Nesta primeira fase, estão sendo vacinadas crianças de seis meses até os quatro anos, 11 meses e 29 dias e profissionais da área da Saúde.

Neste feriado de Tiradentes,  sexta-feira, 21/4, o Centro de Saúde  de Junqueirópolis, não funciona e não haverá vacinação. Para receber a dose, é preciso apresentar carteira de vacinação e cartão do SUS.

Também serão atendidos até o final da campanha, no dia 26 de maio, gestantes,  puérperas (até 45 dias após o parto) e pessoas acima de 60 anos,  portadores de doenças crônicas não transmissíveis.

 

VACINA

DIA D- . No dia 13 de maio será a mobilização nacional, o Dia-D da vacinação, que abrangerá todos  os grupos para quem a vacina é dirigida. No Brasil, serão vacinados 54,2 milhões de pessoas. A partir deste ano, professores das redes pública e privada passam a integrar o público-alvo

A 19ª Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza deste ano começou nesta segunda-feira (17). O Ministério da Saúde está adquirindo 60 milhões de doses da vacina. A campanha seguirá em todo o país até 26 de maio.

A coordenadora do Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde, Carla Domingues, informou que  vacina precisa de 15 dias para garantir o efeito.

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). Essa definição também é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe. São priorizados os grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias.

Vacina para grupos específicas estão sendo aplicadas no Centro de Saúde
Vacina para grupos específicas estão sendo aplicadas no Centro de Saúde

PREVENÇÃO – A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como medida de prevenção para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto; não compartilhar objetos de uso pessoal; além de evitar locais com aglomeração de pessoas.

Até 1º de abril, foram registrados 276 casos de influenza em todo o país e 48 mortes. Do total, 21 foram por H1N1, sendo que seis evoluíram para óbito. Em todo o ano passado, o Ministério da Saúde registrou 12.174 casos de influenza de todos os tipos no Brasil. Deste total, 10.625 foram por influenza A (H1N1), sendo 1.987 óbitos. O Brasil possui uma rede de unidades sentinelas para vigilância da influenza, distribuídas em serviços de saúde de todas as unidades federadas, que monitoram a circulação do vírus influenza por meio de casos de síndrome gripal (SG) e síndrome respiratória aguda grave (SRAG).

CASOS E ÓBITOS POR SRAG/INFLUENZA NO BRASIL:

ANO TOTAL SRAG INFLUENZA  

TOTAL SRAG INFLUENZA H1N1

TOTAL SRAG H3N2 TOTAL SRAG INFLUENZA B TOTAL SRAG INFLUENZA A NÃO SUBTIPADO
CASOS ÓBITOS CASOS ÓBITOS CASOS ÓBITOS CASOS ÓBITOS CASOS ÓBITOS
2013 5.935 955 3.733 768 669 62 1337 85 198 41
2014 1.794 326 465 163 1.042 105 190 24 97 34
2015 1.089 175 141 36 599 75 234 39 115 25
2016 12.174 2.220 10.625 1.987 49 10 642 59 858 164
2017* 276 48 21 6 158 20 63 21 34 1

Fonte: Ministério da Saúde

 

A vacinação ocorre de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 10h30 e das 13h às 16h, no Centro de Saúde
Comente com o Facebook !!

Sobre Gilmar Pinato

Jornalismo-Faculdade de Comunicação Social Helio Alonso- Rio de Janeiro (RJ), 1986- MTb 24.051 -Estágio Jornal O Estado de São Paulo (S.P. ag/dez.88). -Assessor de Imprensa Oficina Cultural Timochenco Wehbi (P.Pte-SP) -Repórter Jornal O Imparcial (P. Pte). -Produtor TV Fronteira- (P. Pte) -Repórter Jornal O Liberal, Araçatuba (SP), -Assessor de Imprensa Parlamentar- Assembleia Legislativa (Alesp). -Repórter Jornal Regional- Dracena (SP).
×

Siga-nos no Facebook