00:00:00
Home / Cidade / Ex-namorado é condenado a 15 anos de prisão pelo assassinato de Andiara Lins

Ex-namorado é condenado a 15 anos de prisão pelo assassinato de Andiara Lins

Crime ocorreu em 8 de novembro de 2015, no bairro Alto da Estação. Julgamento de Gustavo Alonso ocorreu nesta quarta-feira, 10/10, e durou quase oito horas

A Justiça condenou Gustavo Francisco Alves Alonso, 25 anos, a 15 anos de reclusão pelo assassinato da ex-namorada Andiara Lins, 21 anos. A sessão do júri realizada nesta quarta-feira, 10/10, no Fórum de Junqueirópolis foi presidida pela juíza Aline Tabuchi da Silva, da 1ª Vara da Comarca de Dracena.

Por unanimidade, o Tribunal do Júri acatou a denuncia do Ministério Público e reconheceu que o réu cometeu crime de homicídio qualificado contra a vítima, com agravante de feminicídio. Na decisão, inicialmente o réu foi condenado a 13 de reclusão, más em virtude de ter cometido crime contra a mulher por razões da condição de sexo feminino, teve sua pena aumentada para 15 anos de reclusão em regime inicialmente fechado.

Promotor Ruy Bodini e a advogada Maria Dalva Guarato em um dos embates da acusação contra a defesa

Durante o julgamento, acusação e defesa travaram grandes debates. O promotor de justiça Ruy Fernando Anelli Bodini, da Comarca de Junqueirópolis, atuou na acusação e pedia a condenação do réu por homicídio qualificado. Já a advogada Maria Dalva Sá Guarato, da cidade de Pacaembu, atuou na defesa e pleiteava a redução da pena através de enquadramento do crime em homicídio privilegiado.

Gustavo está preso desde 2015 no Centro de Detenção Provisório de Caiuá. Portanto já cumpriu quase três anos de sua pena. Agora com o seu caso transitado em julgado, será removido para uma unidade prisional.

Entenda o caso

Andiara Lins

O crime foi praticado em 8 de novembro de 2015, às 23h50, na rua Santos Dumont, no Alto da Estação, na então residência da vítima. Na ocasião, a jovem Andiara Lins, 21 anos, foi assassinada cruelmente com quatro golpes de faca que foram desferidas pelo seu ex-namorado Gustavo Alonso, na época com 22 anos.

Após matar Andiara, Gustavo tentou suicídio, desferindo dois golpes de faca contra si, um no pescoço e o outro na altura do tórax. Ele foi socorrido ao hospital de Junqueirópolis onde passou por cirurgia, sobreviveu e após recuperação foi recolhido ao CDP de Cauiá.

O crime

De acordo com a Polícia Militar, a guarnição foi acionada para atender a ocorrência com a informação de que na residência estaria ocorrendo uma briga de casal. Vizinhos ouviram barulhos, parecendo que alguma coisa estava sendo batida na parede e ainda gritos por socorro.

Ao chegarem ao local, os policiais encontraram Andiara saindo de uma porta (ferro) que tinha sido arrombada por Gustavo. Ela estava com o corpo ensanguentado e ainda disse aos policiais: “Ele vai me matar, ele está me matando”, e em seguida caiu de bruços e ficou inerte no chão.

Logos após essa cena, os policiais depararam com Gustavo saindo com a faca em uma das mãos. Imediatamente, os militarem deram ordem de parada e ele disse: “Me mata, me mata”, e perguntou onde era a veia do corpo dele que poderia cortar para morrer.

Segundo os policiais, Gustavo saiu e caminhou para a rua onde desferiu um golpe de faca no próprio pescoço (traqueia) e outro no tórax. Voltou para a garagem onde Andiara já estava caída e morta e caiu próximo a ela, ficando inconsciente.

Um rapaz que estava conversando na cama com Andiara antes do crime acontecer disse aos policiais que Gustavo arrombou a porta e disse para ele sair de lá e ir embora que ali iria acontecer “m….”. Em seguida, Gustavo foi até a cozinha e pegou a faca e o rapaz então ligou para a Polícia.

Andiara e Gustavo viviam em um relacionamento conturbado. Eles tinham em comum dois filhos.

Comente com o Facebook !!

Sobre Gilmar Pinato

Jornalismo-Faculdade de Comunicação Social Helio Alonso- Rio de Janeiro (RJ), 1986- MTb 24.051 -Estágio Jornal O Estado de São Paulo (S.P. ag/dez.88). -Assessor de Imprensa Oficina Cultural Timochenco Wehbi (P.Pte-SP) -Repórter Jornal O Imparcial (P. Pte). -Produtor TV Fronteira- (P. Pte) -Repórter Jornal O Liberal, Araçatuba (SP), -Assessor de Imprensa Parlamentar- Assembleia Legislativa (Alesp). -Repórter Jornal Regional- Dracena (SP).

Veja Também

Alunos da Escola Idene são destaques no 1º Festival Literário de Adamantina

Festival e Concurso Literário envolveu 33 escolas de 22 municípios da região. Escola Idene foi ...