00:00:00
Home / Cidade / Carta apreendida na penitenciária contém ordens de execuções de promotor de Justiça e diretor da Croeste
operação, policia civil, pcc
Apreensão da carta ocorreu no presídio de Junqueirópolis

Carta apreendida na penitenciária contém ordens de execuções de promotor de Justiça e diretor da Croeste

Cartas apreendidas no presídio de Junqueirópolis com ameças (ft- site Jorge Zanoni)

Cartas com ameaças apreendidas na penitenciária de Junqueirópolis, segunda-feiraA rádio CBN, de São Paulo,  informou em reportagem nesta sexta-feira, 25, à tarde,  a  apreensão no presídio de Junqueirópolis  de  cartas  com ordens de execuções do promotor de Justiça de Presidente Prudente,n Lincoln Gakiya, que integra o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) no Estado de São Paulo.

A interceptação das cartas na penitenciária  ocorreu segunda-feira, 21. Nas mensagens o (s) autor (es) determina (m) ainda as  execuções de Roberto Medina,  coordenador  da Coordenadoria Regional de Unidades Prisionais do Oeste Paulista (Croeste),  de Luiz Fernando Negrão Bizzoto, diretor da Penitenciária 2 e de Maurício Moreira Souza, diretor de Segurança e Disciplina da Penitenciária Zwinglio Ferreira (P-1),  os três órgãos de segurança sediados em Presidente Venceslau.

A reportagem da CBN  informa também  que em  trechos o autor  dize ” não entender porque ainda  não foi colocado em prática  (as ordens), uma vez que já tinham  informações das rotinas do diretor do presídio e do coordenador da Croeste”.

Essa é a segunda apreensão nos presídios da região de mensagens  com ameaças de morte contra o promotor e ao diretor da Croeste. A primeira, uma carta criptografada  foi encontrada na Penitenciária 2 de Presidente Venceslau, no final do ano passado com as mesmas ameaças contra o promotor e o coordenador da Croeste.

O Gaeco é o grupo de promotores de Justiça  que investiga as ações do crime organizado que atuam dentro e fora dos presídios paulistas, como  o Primeiro Comando da Capital (PCC) e a Croeste é  é o órgão estadual que coordena os presídios da região oeste do Estado. Gakiya é o responsável pela denúncia criminal de mais de 300 integrantes do PCC nos últimos anos.

SAP– A Secretaria de Administração Penitenciária ( SAP), confirmou que  as ordens teriam sido escritas por dois detentos em Junqueirópolis, que já foram identificados. Por meio de nota, a pasta informa que está colaborando com a polícia nas investigações do fato e solicitará a internação dos indivíduos investigados em RDD (Regime Disciplinar Diferenciado).

*(Notícia atualizada às 14h30, de sábado, 26, com informações do O Imparcial de Presidente Prudente)

 

Comente com o Facebook !!

Sobre Gilmar Pinato

Jornalismo-Faculdade de Comunicação Social Helio Alonso- Rio de Janeiro (RJ), 1986- MTb 24.051 -Estágio Jornal O Estado de São Paulo (S.P. ag/dez.88). -Assessor de Imprensa Oficina Cultural Timochenco Wehbi (P.Pte-SP) -Repórter Jornal O Imparcial (P. Pte). -Produtor TV Fronteira- (P. Pte) -Repórter Jornal O Liberal, Araçatuba (SP), -Assessor de Imprensa Parlamentar- Assembleia Legislativa (Alesp). -Repórter Jornal Regional- Dracena (SP).

Veja Também

Instituto Fama entrega certificados de Honra ao Mérito 2019

O Instituto Fama ,de Presidente Epitácio,  entregou na última sexta-feira, 12, no Centro de Convivência ...