Home / Cidade / Junqueirópolis terá unidade do Necrim
Necrim vai funcionar na Casa da Cidadania, rua São Salvador, 1001

Junqueirópolis terá unidade do Necrim

(Ass. Imprensa) – O delegado  Eliandro Santos e o agente Marcelo dos Santos Vieira,  responsáveis pelo órgão, estiveram preparando a informatização de documentos  para inicio dos trabalhos  na sala onde funcionará o Núcleo Especial Criminal (Necrim) nas dependências da Casa da Cidadania, localizada na rua São Salvador, 1001, centro.
Em um todo o local terá o objetivo em resolver as demandas de acidentes de trânsito com vítimas, injúria, calúnia e difamação. Estes são crimes passíveis de conciliação, o que contribui para que o caso não seja levado à Justiça para uma futura e demorada resolução.

O Necrim é o órgão especializado da Polícia Civil do Estado de São Paulo, que promove a solução dos conflitos de interesse entre as partes envolvidas em crimes de menor potencial ofensivo. O trabalho é desenvolvido pela Polícia Civil e contribui para que a população tenha soluções rápidas dos conflitos.

De acordo com o delegado titular da delegacia de polícia de Junqueirópolis, uma audiência dura em torno de 60 minutos e é agendada em até 30 dias pela Delegacia. Durante a audiência conciliatória os envolvidos são colocados lado a lado na sala do Necrim, dando-se  a oportunidade para explicarem os detalhes dos fatos e buscarem a solução.

“Havendo o acordo entre as partes, a parte criminal é extinta e com as pessoas satisfeitas porque elas mesmas decidiram como resolver os problemas em questão”, disse Dr. Eliandro.
Sendo feito um termo que é assinado pelas partes, o que  é encaminhado ao Poder Judiciário que irá fazer a homologação por meio do juiz responsável.
Em todo o Estado de São Paulo, há 51 sedes do Necrim, sendo um na capital paulista, cinco na Grande São Paulo e 44 no interior.

Na região, que abrange o Deinter-8 (Departamento de Polícia Judiciária de São Paulo Interior), há o Necrim em Adamantina, Assis, Dracena, Presidente Prudente e Presidente Venceslau e agora em Junqueirópolis.

Delegado Eliandro dos Santos (dir.) e o agente, Marcelo Vieira, responsáveis pelo Necrim

 

Comente com o Facebook !!

Sobre Gilmar Pinato

Jornalismo-Faculdade de Comunicação Social Helio Alonso- Rio de Janeiro (RJ), 1986- MTb 24.051 -Estágio Jornal O Estado de São Paulo (S.P. ag/dez.88). -Assessor de Imprensa Oficina Cultural Timochenco Wehbi (P.Pte-SP) -Repórter Jornal O Imparcial (P. Pte). -Produtor TV Fronteira- (P. Pte) -Repórter Jornal O Liberal, Araçatuba (SP), -Assessor de Imprensa Parlamentar- Assembleia Legislativa (Alesp). -Repórter Jornal Regional- Dracena (SP).