00:00:00
Home / Cidade / Contemplados das 202 casas reúnem-se com CDHU e Prefeitura para esclarecer dúvidas
Prefeito Furini, faz explicações aos contemplados com as casas da CDHU

Contemplados das 202 casas reúnem-se com CDHU e Prefeitura para esclarecer dúvidas

Os contemplados das 202 casas do conjunto habitacional Residencial das Américas, reuniram-se neste domingo, 25, 9h, no JTC para esclarece dúvidas sobre a conclusão, entrega das casas e valores das parcelas com o líder do núcleo de Obras da CDHU de Presidente Prudente, Flávio Farias, o prefeito Hélio Furini e equipe da Prefeitura.
Conforme Furini o conjunto habitacional será entregue no final de setembro ou começo de outubro e a entrega das chaves aos moradores será agendada em uma data que o governador João Dória possa comparecer. “O governador quer estar presente”, afirmou.
A pintura das casas prontas começou há poucos dias, explica o prefeito para evitar que ficassem com alguma sujeira antes dos contemplados se mudarem. “Queremos entregá-las limpas”, disse.


Furini informou que o valor de cada casa concluída é cerca de R$ 120 mil, sem contar o terreno que é doado pela Prefeitura.
A presidente da Associação dos Contemplados da CDHU, presidida por Silvana Demétrio e vice-presisdente, Fábio Duarte formada por contemplados com as casas informou que a comissão foi formada para buscar respostas sobre o atraso e quando serão entregues.
A Associação acompanha o andamento das obras no conjunto habitacional e os futuários mutuários fizeram perguntas sobre suas dúvidas.

CDHU- O representante da CDHU, Flávio Farias, reiterou que as 30 casas que foram sorteadas para realização de perícia foram liberadas pela Justiça no começo de junho, as obras foram retomadas e estão sendo concluídas.
ELEVATÓRIA-Farias informou que a Estação Elevatória de Esgotos (EEE), do conjunto começa a ser construída nesta semana.
“Seria construída aqui uma elevatória igual ao do conjunto habitaciona de Irapuru onde começou a dar problemas que atingiria aqui também e para evitar foi feito um projeto e precisava de um aditivo pela CDHU que foi aprovado nessa última semana”, informou.
POSTES- Sobre os postes de iluminação pública, Faria informou que a Elektro começa as instalações em setembro. “É um procedimento rápido”, explicou,
ESCOLHA DAS CASAS- A escolha das moradias entre os contemplados, acrescentou Farias será feita na seguinte ordem: os primeiros a escolherem serão deficientes, idosos e policiais e em seguida os demais, dando preferência para as famílias mais numerosas. Em caso de empate a decisão será por critérios da CDHU.

Silvana Demétrio, presidente da Associação dos Contemplados

VALORES DAS PARCELAS-Sobre os valores das parcelas, o líder do núcleo de obras da CDHU observou que 90% das famílias que ganham as casas tem renda de um salário mínimo (R$ 998) e o valor da parcela é 15% desta renda, hoje cerca de R$ 150 e os reajustes ocorrem seguindo os valores do salário mínimo.
Os valores das prestações aumentam de acordo com os rendimentos familiares. Foi questionado por um dos contemplados sobre os trabalhadores de usina de álcool que possuem variação dos salários com redução da renda. Nesses casos Faria avaliou que pode haver revisão nos valores das prestações.
O representante da CDHU ressaltou que reformas ou ampliações poderão ser feitas assim que o mutuário se mudar, mas orientou devem ser acompanhadas por um profissional de engenharia.
O prazo para apontar defeitos como vazamentos de água (infiltrações) ou outros devem ser apresentados em até 90 dias para a empresa responsável pelas obras fazer as correções.
Outra orientação é que os mutuários se mudem logo para as casas assim que receberem as chaves.
Entre as 202 casas, 20 foram reservadas para moradores da área de risco ao lado da ferrovia que compareceram à reunião.

Líder do Núcleo de Obras da CDHU de Presidente Prudente, Flávio Farias

Antes da entrega das chaves, Farias informou que as famílias habilitadas vão ter dois eventos, escolha dos endereços e assinatura dos contratos.
Furini explicou sobre o atraso. Ressaltou que as casas eram para ter ficado prontas há pelo menos três anos mas houve um problema com a primeira empreiteira e o contrato foi rompido.
“Através de orientações da CDHU a Prefeitura junto com a Câmara foi buscando soluções, provavelmente se as casas fossem entregues da forma como estavam sendo feitas vocês teriam problemas estrututurais nas moradias”, constatou.
O presidente da Câmara, Marcos Ruiz que solicitou a reunião falou em nome dos vereadores presentes. A vice-prefeita Sofia Rodrigues e diretores municipais também compareceram à reunião.

Presidente da Câmara, Marcos Ruiz
Prefeito, vice, vereadores e moradores da área de risco, beneficiados com as casas
Comissão dos contemplados

Comente com o Facebook !!

Sobre Gilmar Pinato

Jornalismo-Faculdade de Comunicação Social Helio Alonso- Rio de Janeiro (RJ), 1986- MTb 24.051 -Estágio Jornal O Estado de São Paulo (S.P. ag/dez.88). -Assessor de Imprensa Oficina Cultural Timochenco Wehbi (P.Pte-SP) -Repórter Jornal O Imparcial (P. Pte). -Produtor TV Fronteira- (P. Pte) -Repórter Jornal O Liberal, Araçatuba (SP), -Assessor de Imprensa Parlamentar- Assembleia Legislativa (Alesp). -Repórter Jornal Regional- Dracena (SP).

Veja Também

PROMOTORA DE JUSTIÇA TITULAR É EMPOSSADA NO FÓRUM DA COMARCA

(Jornal A Notícia) -A promotora de Justiça, Jamile Tavares, 35, tomou posse como titular no ...